Prevenção primária da doença celíaca: fatores ambientais com enfoque na nutrição inicial

Editor(s):
R. Shamir, H. Szajewska

As principais evidências da influência das práticas alimentares iniciais no risco de doença celíaca (DC) provinham anteriormente de estudos observacionais. Foram recentemente publicados os resultados de dois grandes estudos randomizados e controlados (PREVENTCD e CELIPREV).

O objetivo desses ensaios foi avaliar o efeito do momento da introdução da ingestão de glúten sobre o risco de doença celíaca em crianças de risco. Ao contrário do que se pensava anteriormente, o momento da introdução de glúten na dieta do lactente não influencia o risco de desenvolvimento de doença celíaca.

 

Autores: Anna Chmielewska Małgorzata; Pieścik-Lech Hania; Szajewskaa - Universidade Medica de Varsovia, Varsovia, Polonia
Raanan Shamirb - Centro Médico Infantil Schneider, Faculdade de Medicina Sackler, Universidade de Tel-Aviv,Tel-Aviv, Israel